(11) 5591-3000 [email protected]
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

BLOG

14 de julho de 2016
Liderança e motivação: Por que esses dois fatores andam sempre juntos?
Autor: Carlos Basso - Categoria: Blog
Liderança e motivação: Por que esses dois fatores andam sempre juntos?

Para falar de liderança é necessário entender de fato o que essa palavra significa. Ser líder é ser capaz de inspirar equipes, independente do cargo que se ocupa na empresa. Às vezes, existem bons líderes que também ocupam cargos de chefia, mas isso não é uma regra. Existem colaboradores em diferentes posições na empresa que são líderes por excelência.

Já a motivação, vem de movere (latin) o que significa mover-se em direção a algo. Expressa um movimento, uma ação da pessoa na direção do que ela quer obter. É uma característica capaz de manter o indivíduo sempre com o olhar para frente, não quer dizer que ele esteja sempre feliz, como muitas pessoas pensam, mas que ele mantém um olhar sobre a vida ativo, que o faz tomar decisões no presente, favorecendo-o no futuro. Pessoas não são motivadas, pessoas se auto motivam e para isso elas precisam de motivo, precisam de razões.

Mas qual a ligação entre esses dois conceitos? Por que liderança e motivação estão sempre juntas? Não é algo trivial. A posição de liderança expressa ações capazes de manter o liderado automotivado, mas isso não é uma obrigação do líder, é quase que uma atitude natural. Os líderes sentem a necessidade de se automotivarem constantemente se quiserem inspirar outros a também se motivarem. O líder é a pessoa que dá motivos, razões, para que um liderado se motive. Em relação a essa atitude, algumas características são importantes.

Leia mais

5 de julho de 2016
O grande desafio: como motivar as pessoas?
Autor: Carlos Basso - Categoria: Blog
Motivação no ambiente de trabalho

O estilo de gestão adotado pela empresa tem sempre grande influência nos índices de motivação no ambiente de trabalho. Por isso, o gestor precisa desenvolver competências técnicas, gerenciais, administrativas e comportamentais para ser capaz de conduzir seus liderados com eficiência, mantendo o foco nos resultados. Nesse sentido, o primeiro passo é investir em cursos de atualização, especialização e pós-graduação, que garantam o conhecimento necessário para a tomada de decisões assertivas, bem como para a gestão da equipe, condução e monitoração dos projetos e gestão pelos indicadores. Entretanto, inteligência emocional, humildade, resiliência, argumentação e comunicação interpessoal são habilidades essenciais do líder na construção de um clima colaborativo e agregador.

A melhor maneira do gestor para assegurar a motivação do time, é liderar pelo exemplo. Isso inclui transparência, ética, imparcialidade, coerência, autoconfiança, perseverança e humildade. Esse posicionamento do líder serve para inspirar os liderados a assumirem uma conduta semelhante – o que favorece as relações, a coletividade e, claro, a produtividade geral.

É preciso lembrar também que cabe ao líder conduzir sua equipe a um desempenho diferenciado, por meio da valorização do conceito de complementariedade, da diversidade, do aprendizado e da própria motivação. Por isso, é fundamental cuidar de todos os aspectos que envolvem o capital humano: processos de recrutamento e seleção; atração e retenção de talentos; elaboração de um programa de educação corporativa; definição de um plano de carreira e de políticas de remuneração e benefícios; oportunidades de crescimento interno; implementação de práticas que garantam a segurança e a saúde dos colaboradores; e qualidade da comunicação interna. Assim, é possível formar times completos e competentes, aptos a desempenhar tarefas com excelência, superar metas e encontrar alternativas criativas para os momentos difíceis.

Leia mais

Quer participar gratuitamente dos cursos da CR BASSO?

Basta fazer o seu cadastro abaixo para concorrer todo mês a 1 INSCRIÇÃO GRÁTIS!!!